Causa da morte de Ana Clara Benevides em show de Taylor Swift é revelada

Turnê “The Eras Tour”, de Taylor Swift, acabou tendo o seu episódio mais triste no Brasil, especificamente no Rio de Janeiro, no dia 17 de novembro. Na ocasião, a estudante Ana Clara Benevides Machado, de apenas 23 anos, sofreu uma parada cardiorrespiratória, chegou a ser socorrida dentro do Estádio Nilton Santos, mas não resistiu.

O laudo de necropsia foi divulgado, nesta quarta-feira (27), e apontou que o motivo da morte de Ana foi exaustão térmica, causada pelo calor. Naquela ocasião, a cidade passava por uma onda de altas temperaturas, chegando a ultrapassar, no dia do show, os 40º C.

O perito que assinou o laudo apontou que a estudante estava exposta ao calor difuso (calor extremo no ambiente) e que a exposição foi indireta. A fonte do calor foi o sol e a evolução clínica aponta exaustão térmica com o quadro de choque cardiovascular e comprometimento grave dos pulmões, evoluindo para a morte súbita.

Ainda segundo o laudo, Ana morreu por uma hemorragia alveolar (rompimento dos vasos sangúineos que irrigam os pulmões) e congestão polivisceral (paralisação de vários órgãos por exposição difusa ao calor).

O que é a exaustão térmica?

Essa é uma condição quando o corpo superaquece, normalmente em ambientes com alta temperatura. E à medida que o corpo fica mais quente, os vasos sanguíneos se dilatam.

Esse quadro leva a uma pressão arterial baixa e faz com que o coração trabalhe mais para conseguir fazer o sangue fluir através dos vasos sanguíneos.

Se o corpo chega a 39ºC ou 40ºC, o cérebro comanda os músculos baixarem o ritmo e a fadiga se instala. Se a temperatura corporal ultrapassa 40ºC, existe a perda da capacidade de se resfriar e se pode chegar a um quadro fatal.

Entre as temperaturas de 40ºC e 41ºC, a exaustão é provável e acima dos 41ºC, o corpo começa a desligar e a não responder. Nesse estágio, são afetados os processos químicos, celúlas se degeneram e pode até acontecer o risco da falência múltipla de orgãos.

O corpo não pode sequer produzir suor neste momento, pois o fluxo sangúineo para a pele é interrompido, tornando-a fria e úmida. A insolação precisa de ajuda médica profissional e deve ser tratada imediatamente.

Nota da T4F

A Time For Fun, produtora dos show de Taylor Swift no Brasil, fez uma nota para a imprensa, sobre o triste episódio com Ana Clara Benevides. Veja a seguir:

“A T4F seguiu todas as melhores práticas de organização de eventos, incluindo todas as exigências das autoridades, distribuiu milhares de copos de água e permitiu a entrada com copos de água descartáveis sem qualquer limitação de quantidade no dia do show. A empresa reitera, como tem feito desde o ocorrido, que lamenta profundamente a perda de Ana Clara. Ela foi prontamente atendida por socorristas e encaminhada em ambulância UTI, acompanhada por médicos até o hospital para que pudesse receber atendimento. A empresa segue prestando todas as informações solicitadas pelos órgãos públicos e colabora com as autoridades na investigação em curso. Em mais de 40 anos de atuação, a empresa nunca havia registrado um episódio trágico como o ocorrido no Engenhão, decorrente de fator climático“.

 

Fonte: Vagalume.com