Confira declarações polêmicas de Katy Perry, Lady Gaga, Kelly Clarkson e Adam Levine em processo Kesha vs. Dr. Luke

O caso do processo de Kesha contra o produtor Dr. Luke se estende há anos, desde 2014. As principais acusações eram de controle criativo da carreira, abuso emocional e sexual. Recentemente a corte jurídica de Nova York divulgou documentos oficiais de depoimentos e documentos pertencentes do processo. Estão repercutindo as alegações de Lady Gaga, Katy Perry, Kelly Clarkson e Adam Levine, alguns famosos que foram intimados – todos eles tiveram ligações com Kesha ou Dr. Luke no passado.

As transcrições são extensas e podem ser lidas clicando AQUI (em inglês). Separamos abaixo alguns trechos mais pertinentes. Um dos principais assuntos seria o “rumor” de que Dr. Luke teria estuprado Katy Perry (negado pela mesma).

Lady Gaga

Lady Gaga confirma que soube do processo da Kesha e, desde então, passou a trocar mensagens com ela. Ela tocou no assunto de que Katy Perry foi supostamente estuprada.

“O Sr. Janick (executivo da gravadora Interscope) disse em sua presença e da Sra. Sebert (Kesha) que o meu cliente, o Sr. Gottwald (Dr. Luke), estuprou Katy Perry?”, perguntou o advogado de Dr. Luke. “Ele disse que ouviu um boato”, afirmou Gaga. “Ele disse algo como, ‘eu ouvi que estuprou a Katy também’”.

Gaga defendeu o executivo de sua gravadora: “Ele estava lá para dar apoio a ela e eu tive uma conversa com os dois sobre o que podemos fazer para falar com a Sony sobre a possibilidade de trazê-la para a Interscope e que eu cuidaria dela”, falou.

Katy Perry

Katy nega que Dr. Luke tenha a abusado de qualquer forma. Ela também nega que teve qualquer relação romântica ou sexual. “Então você está alegando que a acusação de que Dr. Luke te estuprou é falsa?”, perguntou o advogado. “Sim”, respondeu ela.

“Eu presumo que você nunca disse ao Sr. Janick (executivo da gravadora Interscope) que você foi estuprada”, perguntou. “Não, eu não poderia reconhecê-lo no meio de pessoas”, soltou.

Kelly Clarkson

Kelly Clarkson já tinha confirmado que não gostou da experiência de trabalhar com Dr. Luke em músicas como “Since U Been Gone” e “Behind These Hazel Eyes”, lançadas em 2004. Em 2009, ela foi obrigada por sua gravadora a voltar com a parceria na música “My Life Would Suck Without You”. Ela relata um diálogo entre os dois.

“Ele chegou para mim e disse: ‘eu não sei qual é o seu problema sobre nós’. Eu só o cortei e disse: ‘cara, você sabe exatamente qual é o problema, como coisas que você fez por trás das câmeras’”, revelou. Ela afirmou que Dr. Luke menosprezava sua capacidade de colaborar criativamente.

“Eu falei como: ‘tudo bem que você não gosta de mim e eu não gosto de você. Há muitas pessoas no mundo como você e eu espero que tenha sucesso em seus empreendimentos. Eu vou ter sucesso no meu. Não temos que trabalhar juntos. Você sabe porque eu estou aqui, fui obrigada a estar’”, continuou.

Apesar de ter experiências próprias contra Dr. Luke, ela não pôde confirmar as alegações de Kesha.

Adam Levine

O depoimento de Adam Levine foi curto. Os advogados tentaram questionar o motivo pelo qual ele não trabalhou mais com Dr. Luke após as polêmicas, mas ele não confirmou. “Toda a cobertura da imprensa sobre a declaração de Kesha contra Dr. Luke te fez ficar preocupado como um artista?”, perguntou o advogado. “Eu acho que isso de alegação preocupa qualquer um, mas eu não escuto as notícias”, falou Adam.

Fonte: POPline.

COMPARTILHAR